Blog Bamevap

Imagem: Reprodução / Imagem da Internet

SEM AUXÍLIO NEM VACINA
Postado em 08/01/2021 por Bruno Machado de Oliveira

Assim começou 2021: sem ajuda emergencial do governo nem vacina contra a Covid-19. A suspensão dos programas de estímulo à economia e de socorro ao cidadão comum nestes tempos bicudos divide opiniões: alguns encaram como um ato de responsabilidade fiscal e outros consideram uma desumanidade. Já a indisponibilidade de um imunizante eficaz contra o vírus que já matou mais de 200 mil brasileiros, quando mais de 50 países já começaram a vacinar seus nacionais, só pode ser fruto da incompetência e do descaso mesmo.

Com a rede de proteção social encurtada abruptamente, milhões de pessoas correm o risco de retornar à pobreza extrema. A inflação elevada dos alimentos também ameaça a segurança alimentar de muitas famílias. O desemprego ainda tende a aumentar antes de começar a refluir – isso se a situação da pandemia melhorar, o que ainda parece distante da nossa realidade.

A segunda onda do coronavírus atingiu o país em cheio no fim do ano passado e agora pressiona o sistema de saúde de vários estados. Cenas de hospitais lotados, falta de leitos de UTI e desespero de familiares que perderam alguém para a doença se repetem. O fator agravante fica por conta da nova variante do Sars-Cov-2 descoberta na Inglaterra, com potencial de contágio até 70% maior que o original. Não bastassem todos esses perigos que nos rondam, ainda estamos à mercê da negligência criminosa e do indisfarçável sadismo do presidente da República.

Jair Bolsonaro é uma piada de mau gosto internacional. Seu desprezo pela ciência e pela decência causa perplexidade no mundo todo. As declarações descabidas do mandatário brasileiro são motivo de piada e revolta. “O Brasil está quebrado e eu não posso fazer nada” − essa foi a última frase vergonhosa do “Trump dos Trópicos”.

Trump, aliás, protagonizou um dos episódios mais infames da história da democracia americana na última quarta-feira (6). O ídolo fascistoide de Bolsonaro conseguiu avacalhar a sucessão presidencial nos EUA de maneira inédita. A invasão e a depredação do Congresso promovida por seguidores fanáticos do republicano resultaram em cinco mortes e num vexame sem precedentes. Em questão de poucas horas, a maior potência econômica do planeta, farol do mundo livre, foi rebaixada a uma republiqueta de banana de quinta categoria.

No Brasil, o auge da crise política norte-americana é visto com bastante apreensão, porque a desastrosa tentativa de virada de mesa de Trump e sua caterva pode ser o que nos aguarda em 2022, uma vez que o bufão de extrema direita tupiniquim teima em copiar todos os passos antidemocráticos de seu colega do norte.

Não vai ser fácil, mas a sociedade precisa se mobilizar para dar um basta nas urnas a essa aventura extremista que a cada dia que passa empurra mais o país em direção ao abismo. Bolsonaro quer que acreditemos que o Brasil não tem conserto porque isso o diverte. Ele é o piromaníaco que se compraz com a ruína que provocou. Um sabotador que desmoraliza e corrói as instituições do Estado por dentro.

Se o fim do auxílio emergencial e a desolação provocada pelos muitas vidas perdidas em razão da incapacidade gerencial do Palácio do Planalto – personificada pelo ministro-general da Saúde, Eduardo Pazuello – não for suficiente para deflagrar uma revolta contra o desgoverno atual, será um sinal de que a população definitivamente “jogou a toalha” e desistiu de acreditar na construção de um país minimamente decente. Mas quero crer que nós não tenhamos chegado a esse ponto. Nosso povo já deu e continua dando demonstrações de que pode ser maior do que isso.



LER ANTERIORLER PRÓXIMO

Todo nosso material está pautado na liberdade de expressão, as opiniões não refletem necessariamente o posicionamento da BAMEVAP, e possuem caráter meramente informativo.

Categorias

Todos

Atualidades

Prevenção a Fraude

Educação Financeira

VEJA TAMBÉM:

28/02/2020
QUARENTENA

06/06/2019
APERTEM OS CINTOS

26/07/2019
EUA ACIMA DE TUDO

16/10/2020
DOIS PESOS E DUAS MEDIDAS

29/05/2020
PASSANDO A BOIADA

11/09/2020
PREÇO DO ARROZ NÃO CABE NO BOLSO DOS BRASILEIROS

17/04/2020
SEM GOVERNO, CORREMOS MAIS RISCO DE MORRER AFOGADOS

SAVap Systems Webmail